sábado, 20 de fevereiro de 2010

Sol e Estrela

Vem e conheça o sol
para despedir-se com a voz
por entre as vidas e as horas
cada sonho se perfaz com um pouco do mundo
e o homem fica com a forma de um mosntro

Vem e conheça o sol
dê ao sonho o que pede a planta à terra
diferente como um menino que nasce
diferente como o amor que morre

Vem e conheça o sol
e não retorne ao ponto em que antes estavas
uma promessa
uma vingança
um temor

Vem e conheça o sol
para não tardar
para não ficar com a sensação 
de não ter feito do sonho uma realidade

Vem e conheça o sol
assim que o beijo no espírito
se tornar insípido
assim que o velho nada mais souber
 e sua vida não tiver mais sentido

Vem e conheça o sol e o sempiterno mundo
e ficarás feliz como uma estrela da manhã
 se não estiver chovendo.

Edemir Fernandes Bagon