domingo, 26 de junho de 2011

Cristalinas

num segundo descubro a vida
num segundo me encontro
noutro instante me deixo livre
noutra forma me torno simples

 como saudade 
                     como palavras
                                          como  olhos sob o vento
                                                                             como água


Edemir Fernandes Bagon