domingo, 30 de dezembro de 2012

Poética do silêncio


Busque incessantemente pela compreensão dos instantes da vida. Esse desejo contínuo encontrará na poesia um descanso momentâneo. Sem perder ou negar a beleza do mundo, traduza o tempo contido nos silêncios das palavras. O silêncio é o horizonte dos que procuram sentido para viver.


                                                Edemir Fernandes Bagon