segunda-feira, 1 de junho de 2015

Sísifo

o presente sempre desmente o destino
de repente
o desconhecido amor inventa uma de suas histórias
e o caminho de pedras figura diante dos olhos
como um arco-íris



edemir fernandes bagon