domingo, 25 de julho de 2010

Espanto




eu vi o mar sem sal.
nele entrei
e dele bebi suas águas -
fiquei insípido.

Edemir Fernandes Bagon