domingo, 25 de setembro de 2011

Páginas

eu encontrei algumas palavras escritas por você  
num livro que li quando  tinha 27 anos

quis corrigir seu texto
colocar um ponto final naquela frase...
mas percebi que não havia razão

e que a vida também é assim
e que não existem motivos para pensar em regras
pois somos inconstantes

não se esquece a palavra escrita deixada para sempre
nem  mesmo os olhos castanhos

claramente o destino é da cor do céu

eu quis completar sua frase e resisti
passei a folhear o livro
pulando a página em que  escreveu
para não te ver mais na minha vida



 edemir fernandes bagon